Dicas de Compra

Como definir o melhor andar para comprar apartamento

0

A vida em um apartamento se tornou uma visão comum na maioria das cidades. Seja por uma questão de segurança, seja por uma questão financeira e espacial, uma vez que imóveis verticais são mais econômicos, a escolha por prédios com essa estrutura aparece como a preferência na hora de optar por um imóvel, seja para moradia ou para investimento. 

Por falar em investimento, construtoras têm aplicado muito em infraestrutura de ponta. Há condomínios funcionando como verdadeiras “mini cidades” no seu interior, com lojas, salões de beleza, academias, piscinas e até agências bancárias. Há outros, mais modestos, cuja infraestrutura foi pensada para que os moradores sintam que segurança e praticidade foram prioridades ao se pensar o projeto.

 Por isso, quem escolhe um imóvel desse estilo, precisa dar atenção à importância de se fazer uma avaliação do melhor apartamento a ser escolhido, de acordo com as suas necessidades e objetivo de compra (para morar, para investir, estilo de vida, vantagens e desvantagens). Cada caso é um caso, e a partir desse conteúdo queremos ajudar você a avaliar o que é melhor nesse momento.

O fator segurança, principalmente para quem passa muito tempo fora de casa ou mora sozinho, tem estado no cerne do interesse de quem opta por morar em apartamento. Por não exigir muito em manutenção, a praticidade que um empreendimento nesse estilo oferece para os moradores, principalmente para quem mora em grandes centros, também acaba sendo uma das suas vantagens.

Se você está planejando comprar um apartamento, reunimos aqui algumas informações sobre as vantagens e desvantagens em cada grupo de andares, os primeiros, os do meio e os últimos, que você precisa considerar antes de escolher em qual piso vai morar.

Nós possuímos larga experiência em transações, e isso  permite dar excelentes orientações sobre esse assunto. Então, antes de peregrinar em busca de um apartamento e assinar seu próximo contrato, considere os prós e os contras de cada andar. Vem com a gente fazer a sua melhor escolha!

 Apartamentos no piso inferior ou térreo

A vida em um apartamento no primeiro andar apresenta vantagens exclusivas e alguns potenciais obstáculos. Veja:

Prós

Morar em um apartamento térreo significa que você não precisa esperar o elevador ou subir vários lances de escada. Um apartamento no primeiro andar também pode vir com um pequeno espaço ao ar livre como um quintal, pátio ou outras áreas para um pouco de ar fresco.

O fácil acesso para entrar e sair do seu apartamento no térreo significa que a porta principal está sempre a alguns passos de distância. O primeiro andar é provavelmente ideal se você tem filhos, cachorros ou faz grandes compras no mercado. Também é o andar ideal para quem possui limitações físicas permanentes ou idosos em casa.

Dependendo do complexo de apartamentos, as unidades do andar inferior às vezes são mais baratas. Eles também estão mais propensos a estar vagos do que os apartamentos de último andar, normalmente mais disputados.

A segurança no primeiro andar vem com uma vitória significativa. Você é o primeiro a sair durante uma evacuação de emergência.

Contras

Como em qualquer andar de apartamento, há desvantagens em morar em um apartamento térreo. A falta de pontos de vista pode ser um grande problema para a maioria dos moradores, por exemplo. Se você deseja as luzes da cidade e vistas deslumbrantes, precisará procurar um andar mais alto.

Outro possível problema de morar no primeiro andar pode ser a maior incidência de barulho externo. É comum que as pessoas que vivem acima de você tragam o barulho com elas, sem mencionar que você poderá ter que adormecer com o barulho da rua. E se o seu complexo de apartamentos oferece uma uma estrutura de lazer, ou um estacionamento, próxima a sua janela, inevitavelmente você irá conviver com o barulho.

A segurança também pode representar uma preocupação para o andar térreo. Você é o primeiro a evacuar em caso de emergência, mas pode ser também mais vulnerável a situações de insegurança. No entanto, é necessário ficar atento às medidas de segurança aplicadas pelo condomínio e observar a região em que o empreendimento está localizado. Dessa forma, se você preferir optar pelo térreo, poderá encontrar um local onde sinta mais segurança.  

Apartamentos de andar intermediário

Não tem certeza de qual andar escolher? A vida no andar intermediário oferece o melhor dos dois mundos com opções flexíveis. Saiba quais:

Prós

Se você é do time que aprecia uma boa vista, saiba que, dependendo do entorno do seu prédio, nos andares do meio já é possível desfrutar de uma vista mais agradável do que no térreo. Além de, claro, não haver tantas escadas ou longas esperas no elevador.

As estações do ano e as contas de serviços públicos, como água e luz, também são uma grande vantagem no andar intermediário. Os andares superiores podem ficar quentes e são difíceis de resfriar durante os meses de verão.

Os pisos inferiores costumam ser frios e difíceis de aquecer. Quando você mora no andar do meio, as despesas com contas de serviços públicos tendem a ser mais consistentes do que apartamentos em outros andares.

Contras

A depender dos cuidados da construtora, na escolha de materiais estruturais e na utilização, ou não, de recursos que melhorem a proteção acústica dos apartamentos, o ruído pode ser uma desvantagem significativa de se morar em um apartamento de andar intermediário. Os moradores vivem acima e abaixo de você e muitas vezes o barulho vem de ambos os lados.

Também pode ser estressante manter o mínimo de barulho, sabendo que você tem a possibilidade de estar incomodando mais pessoas morando nesses andares. Pensar em investir em materiais de acabamento e decoração que auxiliem no melhoramento da acústica do apartamento, como na escolha do piso, colocação de tapetes. Aplicação de papel de parede ou outros revestimentos que não reverberem o som, pode sim, ser uma saída para aplacar os ruídos.

Apartamentos de último andar

Conseguir um apartamento no último andar é uma grande vitória, mas tem algumas desvantagens. Veja o que esperar e como pesar os prós e os contras:

Prós

Você obtém a melhor vista de um apartamento no último andar. O que é bastante convidativo e aconchegante.

Vale reforçar o que já mencionamos anteriormente: em termos de invasões, por exemplo, os apartamentos desse andar são mais seguros que o térreo. 

Também não há ninguém morando acima de você para fazer barulho. É menos provável que você ouça o som vindo de algum outro piso, tornando o apartamento relativamente silencioso. Com certeza algo que não chega nos andares superiores, ou chega de forma reduzida, é o ruído da circulação das pessoas no entra e sai do condomínio. 

Há uma tendência de esse andar receber menos barulho externo tanto da rua em si, trânsito etc, como da estrutura do condomínio, caso as áreas de lazer e estacionamento se concentrem no térreo, o que vai depender do projeto do empreendimento. 

Os apartamentos também são mais quentes durante os meses de inverno. O calor aumenta e você, provavelmente, poderá aproveitar as vantagens de uma conta de luz mais baixa.

Contras

A depender de como o projeto foi pensado, a estrutura de lazer pode ser localizada acima, ou parte dela, na cobertura do prédio. Morar embaixo de uma academia ou piscina pode gerar muito ruído no apartamento.

Os apartamentos também são mais difíceis de resfriar durante o verão. Isso pode fazer sua conta do ar-condicionado disparar.

Geralmente esses imóveis vêm com preços de aluguel mais altos, o que também significa valores mais altos para venda. O que oferece pontos de vista diferentes para quem investe para morar e quem pretende negociar a propriedade.

Esperas de elevador e o subir e descer de escadas também são uma desvantagem quando se vive nesse andar. Carregar uma bicicleta, mantimentos e malas para cima e para baixo pode se tornar um grande incômodo.

A segurança também é uma preocupação ao escolher o melhor andar do seu apartamento. Você enfrentará a evacuação mais longa durante uma emergência, sem uma maneira rápida de descer até o andar térreo, especialmente se o prédio for muito alto.

Além das emergências, também é mais difícil descer rapidamente para pegar comida com entregadores, entrega de itens e receber convidados. 

A melhor escolha do andar é algo muito pessoal, como citamos na introdução. Algo que é vantagem para uma pessoa pode ser desvantagem para outra. 

Por isso é de extrema importância avaliar bem cada ponto que recomendamos ao longo do texto e também contar com ajuda especializada para tomar essa decisão com a tranquilidade de fazer a escolha certa para você.

Está pensando em qual andar morar? Vem que a gente ajuda a encontrar!

Pronto para começar a procurar um apartamento? Adicione o seu andar favorito a sua lista de desejos e entre em contato com a gente para encontrar o lugar ideal para você.

Temos um time especialista em mercado imobiliário que, a partir da nossa metodologia exclusiva, possui em média 3x mais informações sobre suas regiões de atuação e está apto a lhe auxiliar com excelência ao longo de todo o processo que envolve a negociação de um imóvel.

Somos especialistas em território e nossos consultores imobiliários usam sua experiência para ajudar nossos clientes a fazerem escolhas inteligentes. Entre em contato com um de nossos consultores para conhecer e discutir suas opções de investimento. 

Conte sempre com a Rede UNE na busca pelo lugar ideal para você. Nossos profissionais são treinados para conectar você às melhores oportunidades de compra, de acordo com o seu perfil, preferências e necessidades. Entre em contato conosco clicando aqui e não perca o seu apartamento de vista!

 

Sapateira: saiba como incluir na sua decoração (+DIY)

Artigo anterior

Profissão: Consultor Imobiliário

Próximo artigo

Talvez você também goste

Mais artigos em Dicas de Compra