Casa e DecorDecoração

Aprenda como mobiliar o apartamento

0

Você sonha em viver em um espaço projetado de acordo com seu gosto e conforto? Está de mudança para um apartamento e não tem ideia de como mobiliar e de quanto isso vai custar?

Saiba que existem muitas dicas simples para mobiliar um apartamento vazio. Além disso, você tem a liberdade criativa para usar sua imaginação para projetar um espaço que se adapte a você.

Tempo e esforço não precisam ser fatores enormes. Mostraremos maneiras rápidas e fáceis de adquirir móveis, recebê-los e até mesmo configurá-los. O processo de mobiliar seu apartamento não precisa, nem deve, ser estressante. 

Ao se mudar para um novo apartamento, você pode achar que precisa gastar muito para mobiliá-lo… Mas antes de sair correndo com seu cartão de crédito, continue lendo para descobrir por que configurar seu espaço lentamente pode economizar tempo e dinheiro a longo prazo.

Você não precisa obter tudo para sua nova casa de uma vez. Se o fizer, provavelmente cometerá erros que podem custar caro. Em vez disso, concentre-se em várias peças-chave e comece a procurar em lojas de segunda mão e on-line para encontrar peças únicas que não ultrapassem seu orçamento.

Com essas doze dicas, tudo pode e deve correr bem. Siga nosso roteiro. Com planejamento e calma você verá que é possível deixar seu apartamento do jeitinho que você sonhou. Vamos lá?

Avalie o que você já tem e o que precisa comprar

Pode ser estressante lidar com todos os cômodos de uma vez. Concentre-se em um ambiente de cada vez, formulando ideias para cada um deles.

Você deve medir cada cômodo antes de selecionar os móveis. Se você já tem móveis, meça também, para que possa combiná-los com diferentes paredes ou espaços em seu novo apartamento.

Se você não tem certeza de quanto mais móveis precisa comprar, esboce uma planta de cada cômodo. Ou pegue uma planta baixa do layout do seu apartamento. Nele, anote as medidas de cada cômodo e das paredes seguidas das medidas dos móveis que você já possui.

Depois de ter um plano de design bruto para cada cômodo, você pode começar a mover o que tem para o lugar. Mantenha seu esboço à mão para que você possa consultá-lo enquanto move cada mobília para cada ambiente.

Se você for pintar ou quebrar alguma parede, lembre-se de que pode haver restrições por parte da administradora do seu apartamento. Em caso de dúvida sobre o que você pode e não pode fazer (como pintar uma parede com uma cor diferente), entre em contato com eles antes de fazer qualquer alteração. 

Defina um orçamento

Todo mundo quer um pouco de personalidade em sua casa, então é fácil gastar demais. É por isso que é ótimo definir um orçamento antes mesmo de começar a procurar por móveis. 

Para fazer isso, pense em função e espaço fazendo um orçamento para cada ambiente.. Isso ajudará a restringir sua pesquisa a sofás, mesas, etc., que estão em sua faixa de preço.

Lembre-se de que, se você comprar um sofá abaixo do orçamento, poderá fazer um investimento maior em outros itens, como um tapete ou uma mesa de centro. Defina os projetos no início – como áreas de lazer, escritório e área de estar – e você terá o foco certo para realizar suas tarefas.

Mobiliar seu apartamento: comece com o básico

Por básico, entenda uma cama confortável, uma mesa que pode servir de escrivaninha e um sofá. Dê uma olhada no Pinterest para encontrar looks que agradem a você e ao seu senso de estilo. Você gosta de que cor? Prefere muita madeira ou um visual vintage? Pense no seu estilo.

Identifique um estilo de que você goste, seja moderno, vintage ou rústico, e procure móveis que se encaixem nesse design específico e adicionem profundidade ao seu apartamento. Isso pode fazer seu espaço realmente se destacar.

Definitivamente, vale a pena investir em um bom colchão, pois dormir em um colchão ruim por mais de duas noites o deixará infeliz. Pense que esse é um bem que tende a durar muito tempo. Sua mesa e sofá podem ser usados ​​ou novos. Basta procurar aqueles que sejam possíveis para o seu espaço e confortáveis, pois você os usará muito.

Você também precisará de itens práticos – lixeiras para o banheiro e a cozinha e um cesto de roupa suja, isso tudo de forma imediata. E, claro, material de limpeza: sabão em pó, detergente, desinfetante e um multiuso, uma vassoura, pá de lixo e escova, esfregão e balde, algumas roupas e esponjas, uma escova de banheiro e um aspirador de pó são tudo de que você precisa de início.

Quaisquer que sejam os móveis que comprar, você precisará de um lugar para sentar e comer, dormir, relaxar e móveis para colocar acessórios, como uma estante. Conforme o tempo passa, você poderá incluir peças únicas de acordo com o seu estilo. Mas agora, você está construindo uma base para apoiar essas descobertas futuras.

Antes de qualquer coisa, concentre-se na compra de móveis essenciais.

Certifique-se de que há bastante espaço para se mover

Um dos aspectos mais importantes da organização dos móveis é pensar no fluxo do tráfego. Em outras palavras, você e seus convidados nunca devem se esbarrar ou tropeçar nos móveis para entrar em outro cômodo. É melhor ter menos móveis do que ter que se esbarrar neles toda vez que se locomove. Certifique-se de planejar um espaço amplo entre cadeiras, mesas de centro e sofás – planeje também peças futuras, por isso é importante pensar no espaço.

Por isso, também, é tão importante você pensar antes de comprar. Quando você compra um sofá ou uma mesa de centro sem pensar bastante sobre isso, você pode ter problemas. Em vez de comprar móveis imediatamente, pense sobre essa compra. Você pode acordar no dia seguinte e perceber que não quer o que pensou que queria. Não se deixe levar pela emoção.

Uma ideia inteligente para ganhar espaço é optar por móveis suspensos. Opte por móveis que fiquem acima do chão, seja sobre pernas ou fixados na parede. Isso reduzirá a desordem e tornará mais fácil para seus olhos acompanhar o fluxo da sala. 

Algumas ideias para um design flutuante incluem prateleiras (podem ficar acima de sofás e portas para uma estética embutida), mesas montadas na parede (você vai liberar espaço tirando os pés da mesa do caminho) e até mesmo uma cômoda pode ser montada contra a parede. 

A criatividade está ao seu lado. Existem muitas opções para ampliar o espaço, mesmo de um apartamento pequeno.

Meça tudo e seja criativo

Nunca compre nada para o seu apartamento antes de medir as áreas definidas. Se morar em um espaço pequeno, você terá que ser criativo com as ideias de decoração de seu apartamento. Ao fazer o pré-planejamento, em vez de comprar apenas um sofá ou pufe, procure peças que atendam a mais de uma função. 

Não tem espaço para escritório? Considere uma mesa de centro para a sala de estar que funciona como uma mesa de computador e armazenamento. Por exemplo, procure um sofá que tenha uma bicama. Esse recurso será muito útil quando você receber visitas que irão passar a noite. Nós falaremos mais sobre isso no item a seguir.

Não se esqueça de medir as dimensões da porta do seu apartamento também. Você não vai querer passar pela frustração de parecer tentar enfiar uma melancia pelo buraco de uma fechadura!

Selecione móveis multifuncionais

Mesmo se você tiver um apartamento com muito espaço para decorar, você deve sempre manter a funcionalidade em mente. Incorporar o armazenamento criativo é melhor em todos os aspectos, porque evita que a desordem se acumule.

Veja aqui algumas ideias do que entendemos por armazenamento criativo:

  • Mesas de cabeceira que fornecem armazenamento com prateleiras
  • Pufes de armazenamento que podem funcionar como mesas de centro ou assentos
  • Cama com armazenamento embaixo para guardar cobertores ou roupas
  • Mesas de jantar ou mesinhas de centro (ou ambas) com prateleiras ou gavetas
  • Divisórias com prateleiras
  • Sofás e sofás-cama com opções de armazenamento
  • Prateleiras flutuantes que mantêm a desordem escondida
  • Neutralidade é uma boa escolha

Não se preocupe em adicionar muitas cores a sua nova casa para começar. Você sempre pode fazer isso depois. Seus principais itens – cama, mesa e sofá, podem ser animadas com almofadas, colchas e toalhas de mesa. Veja por quais cores você é atraído e se um tema surge, mas lembre-se de que não há necessidade de ter tudo correspondente.

Misture os itens mais caros com compras menores

Se você está decorando lentamente devido a restrições de tempo ou financeiras, misture itens grandes com projetos e itens menores, como pendurar obras de arte, enfeitar algumas plantas e encontrar os estofados certos, como tapetes, almofadas e cortinas.

Pense além das lojas de móveis

Tanto para o meio ambiente quanto para sua carteira, vale a pena procurar peças de segunda mão. Conheça as lojas locais de caridade, fique de olho nos briques e nas publicações do Marketplace do Facebook – junte-se ao seu grupo local para oportunidades de encontrar ítens que você vai amar a preços de pechincha.

Deixe as pessoas saberem que você está montando um apartamento e pergunte por aí. Você pode ter a sorte de encontrar um sofá ou algumas cadeiras nas mãos de alguém que os cuidou com carinho e acha que agora é hora de se desfazer.

Organize sua cozinha

Não há necessidade de gastar uma fortuna aqui. As lojas de móveis usados, de caridade e os briques terão tudo o que você precisa, de copos e talheres a pratos vintage sensacionais. Garanta o fogão e a geladeira, tenha uma faca de boa qualidade e alguns utensílios de cozinha, como panelas, assadeiras e uma frigideira, e você está pronto para seu primeiro jantar.

Invista na iluminação ambiente

Mesmo que seu apartamento tenha apenas luzes no teto, você pode incluir sua própria iluminação na forma de luminárias, abajures e lustres. Isso torna mais fácil mudar o clima da sala, por exemplo. Procure itens de segunda mão para um visual vintage. Dê especial atenção à iluminação. Um caminho claro manterá cada área com aparência bem organizada e você não terá que se preocupar com pequenos acidentes no percurso.

Tenha calma e divirta-se

Decorar um apartamento sem mobília não precisa ser uma batalha. O processo de mobiliar suas novas instalações deve ser divertido. Depois de ter um plano em prática, não deve ser uma experiência ruim.

Em resumo: fazer um balanço dos móveis que você tem, descobrir o que você precisa comprar e criar peças criativas são o início do desenvolvimento de um lindo apartamento.

Organizar os móveis e criar um espaço funcional e divertido ajudará você a se familiarizar com o apartamento. Montar o espaço perfeito também o incentivará a aproveitar ao máximo a sua vida.

Seja paciente. Mobiliar uma casa leva tempo e, embora você deseje que isso aconteça da noite para o dia, isso não acontece. Dê a si mesmo tempo para se instalar e seu apartamento vai ficar exatamente como você deseja.

Depois de um dia de trabalho cansativo, você merece voltar para um lugar esteticamente agradável que você tem orgulho de chamar de lar.

Conte com a Rede UNE para conteúdos como esse com dicas que facilitem a sua vida. Continue explorando nosso blog para saber mais.

Canto alemão: o que é e como usar na sua casa (+tutorial DIY)

Artigo anterior

Sapateira: saiba como incluir na sua decoração (+DIY)

Próximo artigo

Talvez você também goste

Mais artigos em Casa e Decor